Em tudo vejo meu Deus

Em tudo vejo meu Deus

28/02/2019 0 Por Cris Freitas

Ao contemplar a noite estrelada posso ver a grandeza do meu Criador. Toda a glória estendida no vasto negro-cintilante é apenas uma ínfima fração de todo o seu ser. Ele está lá, na ponta do universo, e, ao mesmo tempo cá, na batida do meu coração. Está em todos os lugares, e além dos “lugares”. Que mistério profundo é este.

                Maravilho-me mais ainda em saber que, apesar de toda esta grandeza, os olhos amorosos do meu Deus estão sempre sobre mim. A Sua graça e bondade me cobrem como um manto. Ele nunca me desampara. Quando paro de olhar tanto para mim mesma e começo a contemplar Aquele que me criou, posso sentir Sua presença permeando tudo que existe e consigo percebê-Lo em todas as coisas, pequenas e grandes.

Percebo-o na terna face de um bebê, lembrando-me de como ele me entreteceu de forma tão maravilhosa no ventre de minha mãe;

Percebo-O no pai que carrega seu filho no colo, lembrando-me de que Ele entregou Seu próprio filho à morte, para me fazer Sua filha;

Percebo-O no fogo, lembrando-me de que Ele é o ourives que refina meu coração como ouro e como prata, purificando-me de meus pecados.

Percebo-O no gorgolejar do riacho, lembrando-me de que é o Senhor quem me leva às águas tranquilas de descanso e refrigera a minha alma.

Percebo-O nas aves do céu, lembrando-me de que assim como Ele as sustenta, mais ainda, cuidará da minha vida.

Percebo-O nas árvores frutíferas, lembrando-me de que Ele é a videira verdadeira na qual devo permanecer para viver e dar frutos.

Percebo-O no estrondo do trovão, lembrando-me de que meu Deus é grande em força e em poder.

Percebo-O no imenso oceano a rebentar suas ondas na areia, lembrando-me de Sua grandeza e de minha pequenez.

Percebo-O no farfalhar das folhas, lembrando-me de que Ele é soberano sobre tudo, pois nenhuma delas cai sem que permita.

Percebo-O na terra, lembrando-me de que sou um vaso de barro, sendo trabalhado pelas mãos gentis do perfeito oleiro.

Percebo-O nas ovelhas do pasto, lembrando-me de que Ele é meu bom Pastor que me conhece pelo nome e suprirá minhas necessidades.

Percebo-O na luz do sol que ilumina tudo o que toca, lembrando-me de que, da mesma forma, a glória de Deus enche a terra e enche minha vida.

“Porque os atributos invisíveis de Deus, assim o seu eterno poder, como também a sua própria divindade, claramente se reconhecem, desde o princípio do mundo, sendo percebidos por meio das coisas que foram criadas.”

Romanos 1:20